Este sítio utiliza cookies de terceiros para melhorar a experiência do utilizador e os serviços que prestamos.
Ao continuar a navegar, consideramos que aceita a sua utilização.

Saber Mais Compreendi
04-03-2019
ISQ, IAPMEI e Universidade de Aveiro preparam implementação da SHIFT to 4.0
Vai ser assinado esta quinta-feira o protocolo de colaboração para o lançamento e implementação do SHIFT to 4.0, uma iniciativa desenvolvida pelo ISQ em parceria com o IAPMEI, para aplicação da ferramenta de autodiagnóstico de maturidade digital a empresas.

O projeto foi configurado com a colaboração da Prof.ª Cristina Barros na qualidade de Cocoordenadora Técnica do EIXO 3 do Programa INCODE 2030.

A implementação do SHIFT 4.0 permitirá a obtenção de um panorama do estado de maturidade das empresas portuguesas face aos desafios da Indústria 4.0, podendo, a partir dessa base ser identificadas oportunidades, boas práticas, ferramentas, medidas e ações que possam apoiar os processos de reflexão estratégica das empresas, em particular das PME, no seu percurso de transformação digital e reforço de competências nesta área.

Em paralelo, prevê-se que sejam reforçadas as competências específicas na “rede de consultores” parceiros, sendo disponibilizadas ferramentas adicionais para suporte ao trabalho de consultoria em matérias associadas aos processos de transformação digital e I4.0.


O SHIFT to 4.0 decorre em três fases:
  • na primeira, em que será definida a metodologia de diagnóstico, é identificada a amostra que irá participar no exercício de diagnóstico, sendo, para tal, selecionado um conjunto de 80 empresas de diferentes dimensões e de setores relevantes para a economia nacional;
 
  • a segunda fase será de operacionalização da metodologia definida na fase 1, sempre acompanhada de monitorização no terreno, de modo a, se necessário, serem realizados ajustes. Haverá também lugar à definição das ferramentas de apoio necessárias ao scale up do exercício de aplicação do diagnóstico (ex.: Roadmap de intervenção, textos de apoio sobre Indústria 4.0, templates de entrevista/relatórios, entre outros);
 
  • na terceira fase, a fase de scale up do projeto, a ferramenta de autodiagnóstico da maturidade digital das empresas, será disponibilizada a todas as interessadas.
  


 
Última atualização
04-03-2019
Avalie este conteúdo
Última atualização
04-03-2019
Avalie este conteúdo