Eficiência Coletiva e Clusters
Esta área de intervenção do IAPMEI pretende estimular e apoiar a emergência e a consolidação de estratégias de eficiência coletiva* no contexto do ecossistema de inovação e empreendedorismo, em particular redes e clusters.

*conjunto coerente e estrategicamente justificado de iniciativas, integradas num programa de ação que visem a inovação, a qualificação ou a modernização de um agregado de empresas com uma implantação espacial de expressão nacional, regional ou local, que fomentem, de forma estruturada, a emergência de economias de aglomeração através, nomeadamente, da cooperação e funcionamento em rede entre as empresas e entre estas e outros atores relevantes para o desenvolvimento dos setores das fileiras e cadeias de valor a que pertencem e dos territórios em que se localizam (in Regulamento Específico do Domínio Competitividade e Internacionalização, Portaria nº 57/A/2015)

São exemplos dessa lógica colaborativa e de funcionamento em rede, os Clusters de Competitividade**, reconhecidos no âmbito do processo de abertura de concurso e de avaliação de candidaturas conduzido pelo IAPMEI.

**plataformas agregadoras de competências, constituídas por parcerias e redes que integram empresas, associações empresariais, entidades públicas e instituições de suporte relevantes, nomeadamente entidades não empresariais do Sistema de Investigação e Inovação, que partilham uma visão estratégica comum, para, através da cooperação e da obtenção de economias de aglomeração, atingir níveis superiores de capacidade competitiva. (in Regulamento de Reconhecimento dos Clusters de Competitividade, Despacho nº 2909/2015)
 
Em breve poderá encontar aqui mais informação útil sobre a política de clusterização em geral, os Clusters de Competitividade reconhecidos, outros clusters ou redes de eficiência coletiva e acompanhar algumas das suas dinâmicas, bem como aceder aos principais instrumentos e apoios consagrados ao desenvolvimento das estratégias de clusterização, de âmbito nacional ou comunitário.


Última actualização
03-03-2017
Avalie este conteúdo
Última actualização
03-03-2017
Avalie este conteúdo