Indústria 4.0
Banner_Ind-4-0_1200x400-new.jpg


Botao_Vermelho.png

Através da iniciativa Indústria 4.0, integrada na Estratégia Nacional para a Digitalização da Economia, o Ministério da Economia pretende gerar condições para o desenvolvimento da indústria e serviços nacionais no novo paradigma da Economia Digital, através de um conjunto de medidas resultantes de um trabalho desenvolvido ao longo de alguns meses, que envolveu entrevistas, workshops e audições com os principais stakeholders de diferentes setores da economia portuguesa, das quais resultou um conjunto de necessidades e recomendações para a definição da estratégia a adotar a curto e médio prazo.

O IAPMEI, como parceiro das PME no desenvolvimento e inovação, coloca-se mais uma vez ao lado das empresas neste novo desafio, apoiando-as nesta adaptação, nomeadamente através da disponibilização de um conjunto de sistemas de incentivos que têm como objetivo a modernização e inovação dos seus produtos, serviços e modelos de negócio, tornando-as mais competitivas no contexto da Indústria 4.0.


Consulte aqui os sistemas de incentivos disponiveis, distribuído por três tipologias de ação.


Botoes-01.png

Para projetos de I&D em Sistemas ciber-físicos; Virtualização e Simulação; Inteligência Artificial; Digitalização; Realidade Aumentada e wearables; Nanotecnologia e materiais avançados; Energia.


Botoes-02.png

Para projetos de Inovação Produtiva em Conetividade; Processos produtivos inteligentes; Produção aditiva; máquina inteligentes; Materiais avançados; operações modulares; impressão 3D; Robôs autónomos.


Botoes-03.png

Infraestrutura digital, cloud computing e cyber security; Advanced analytics e AI; User-Centered Design; WCM e CRM - Web Content & Customer Relationship Management; E-Commerce e E-Marketplaces; SEO e SEA - Search Engine Optimization/Advertising Social media, content & mobile Marketing; Web Analytics.


Consulte aqui as apresentações sobre Incentivos 4.0 divulgadas na sessão de apresentação do programa, que teve lugar no passado dia 30 de janeiro, em Leiria.
  

 

Iniciativa Indústria 4.0 - O que é?

i40_destaqueNL.jpg


O Ministério da Economia, pretendendo gerar as condições para o desenvolvimento da indústria e serviços nacionais na era digital, decidiu lança uma iniciativa (Portugal i4.0) para identificar as necessidades do tecido industrial português e orientar medidas (públicas e privadas) com vista a atingir três objetivos centrais:

• Acelerar a adoção das tecnologias e conceitos da Indústria 4.0 no tecido empresarial português;
• Promover empresas tecnológicas portuguesas a nível internacional;
• Tornar Portugal um polo atrativo para o investimento no contexto Indústria4.0.

A iniciativa foi lançada num principio bottomup associado à participação das empresas que operam no mercado, tendo sido acrescentado um espaço de audições a diversas entidades não empresariais, assim como um comité estratégico, onde se incluíram algumas entidades internacionais com experiência comprovada na Indústria 4.0, que orientou e supervisionou os resultados.

Os trabalhos tiveram a participação de mais de 100 empresários e instituições relevantes em Portugal, que numa fase inicial, foram organizadas em grupos de trabalho de acordo com quatro fileiras: Automóvel, Moda e Retalho, Agroalimentar e Turismo. Estas fileiras, selecionadas em função da sua contribuição para a economia nacional, relevância no tecido de PME nacional e suscetibilidade à transformação digital, serviram de amostra e piloto nesta primeira fase.

Outros países europeus, tais como França, Alemanha, Espanha, Itália ou República Checa, sabendo da importância da transformação digital para as suas economias, lançaram também programas com objetivos e abordagens em linha com a iniciativa nacional. Estes programas foram também uma fonte que contribuiu para os resultados e medidas desta iniciativa.