Este sítio utiliza cookies de terceiros para melhorar a experiência do utilizador e os serviços que prestamos.
Ao continuar a navegar, consideramos que aceita a sua utilização.

Saber Mais Compreendi
Image Iapmei

Como concorrer
 
DESTINATÁRIOS

Dirigido preferencialmente a entidades públicas, com responsabilidades a nível nacional, regional ou local, o concurso é também aberto a parcerias público-privadas, programas educacionais e organizações empresariais.

As entidades elegíveis incluem organizações nacionais, municípios, cidades, regiões e comunidades, bem como parcerias público-privadas entre entidades públicas e empreendedores, programas educativos e organizações empresariais. Podem candidatar-se projetos financiados por fundos comunitários, ou fundos estruturais.

Na categoria de Empreendedorismo Responsável e Inclusivo, as entidades privadas que se enquadrem na definição de PME (europa.eu) são elegíveis para se candidatarem sem necessidade de parceria público-privada, desde que o projeto submetido a concurso não seja a sua principal atividade empresarial. Os principais fatores que determinam se uma empresa é uma PME são: número de empregados; volume de negócios ou balanço total.


Nas restantes categorias, as candidaturas submetidas por entidades privadas só serão consideradas elegíveis se tiverem o envolvimento de uma ou mais entidades públicas, devidamente formalizado no Formulário de Candidatura através de assinatura dos respetivos responsáveis legais.

Projetos candidatos em edições anteriores também podem ser submetidos à presente edição, desde que apresentem alterações e melhorias significativas. Projetos vencedores na fase europeia não se podem candidatar na mesma categoria.

Aos EEPA podem candidatar-se projetos/iniciativas com pelo menos 15 meses de atividade, desenvolvidos por entidades públicas ou por entidades privadas com envolvimento de entidades públicas.

As parcerias público-privadas pressupõem:

> Um acordo financeiro, através do qual o agente privado é responsável pela execução de uma política concebida pela entidade pública;

> Um acordo entre um agente privado e a entidade pública, em que o agente privado é envolvido (em virtude das suas competências, conhecimentos e recursos) no processo de definição de políticas;

> Um apoio explícito, não necessariamente de natureza financeira, que a entidade pública fornece ao agente privado no quadro de um projeto específico. Para efeitos dos EEPA, este apoio tem de ser explícito.
 

O concurso está aberto a todas as entidades locais, regionais e nacionais dos 27 Estados-Membros da EU, bem como Albânia, Bósnia e Herzegovina, Kosovo, Montenegro, Macedónia do Norte, Sérvia, Turquia, Arménia, Moldávia, Ucrânia, Islândia e Reino Unido. ...ver mais

Na fase europeia do concurso são também aceites candidaturas conjuntas de vários países, relativas a iniciativas transfronteiriças, desde que apoiadas pelo conjunto dos países envolvidos.



Para mais informações contacte premioseuropeus@iapmei.pt.



Última atualização
17-01-2024
Avalie este conteúdo

Documentos para download


Guias e manuais

Formulários e Questionários

Brochuras e folhetos informativos

Última atualização
17-01-2024
Avalie este conteúdo